SOBRE

 

Processed with VSCO with a6 preset

Oi! Eu me chamo Samantha Araújo (pode chamar de Sam, viu?), nasci em 15 de agosto de 1996 e moro atualmente em Brasília, DF. Isso é o que eu posso te dar de certeza.

Criei esse blog em 2013 e desde então já se passaram bem mais de 500 dias de Sam. Acredito que estou em constante mudança e, por isso, o que está aqui nesse texto pode não ser verdade daqui a alguns minutos.

É claro, certezas coisas permanecem em nossa essência. Uma delas é o motivo de você estar lendo essa página nesse momento: sou completamente apaixonada por todas as formas de comunicação. Sejam elas escritas, verbais ou visuais, acredito que dão poder a todos nós, individualmente, de mudar o mundo um pouquinho de cada vez. Essa paixão foi o que me motivou a cursar Jornalismo, em 2013, e a depois trocar para o curso de Design Gráfico, em 2015. Hoje estou formada e posso me intitular designer (olha aqui meu portfólio!), mas te garanto que ainda não dispenso a oportunidade de escrever um bom texto.

Eu sou leonina, com ascendente em Sagitário e lua em Virgem. Sei que pra muitos isso não quer dizer nada, mas acredito de verdade que o céu do dia em que nasci fez juntar esses três signos e me definir muito bem. É orgulho, vaidade e lealdade, sem deixar de lado o gosto pela aventura e o jeito otimista de enxergar a vida, com atenção a cada mínimo detalhe.

Deixando o signo de lado, curto pizza de frango, filmes bobinhos e o maravilhoso mundo de Disney. Gosto de pop e rock do mesmo tanto que gosto de funk e axé. Amo minhas cachorrinhas mais do que amo algumas pessoas. Eventualmente viro Sam da Máfia (vide foto) e falo mais no Twitter do que na vida real. Acredito que deixei umas partes de mim pelo mundo, especialmente em Nova York, onde tenho certeza que um dia ainda vou morar. Crio listas pra tudo, regras que só fazem sentido na minha cabeça e tenho uma ideia milionária por dia – só falta colocar em prática.

Por fim, tenho plena certeza de que ainda vou conquistar o mundo, mesmo que seja só o meu próprio.

Para tirar alguma dúvida, me dar um oi ou me perguntar dicas de funk e axé, visite a aba Contato.